27 de outubro de 2009

Reatando a conversa com o público e os gatos....

Já lá vai um ror de tempo que este nosso blogue, meu e do Rodrigo (e que assinávamos com o pseudónimo comum de "Perdido"), foi totalmente apossado pelo meu gémeo.

Organizámos, então, (eu, a Patanisca e o Gervásio) um magablogue denominado "O Lugar e os Monos" que permitisse ao Rodrigo espraiar delongadamente as suas ideias; suspendemos o Tremontelo, e eu refugiei-me, sem convicção nem garra, no Multiply.

As coisas n'«O Lugar» aconteceram como acontecem um pouco por toda a parte: primeiro, vem o frenesim, que gera trabalho esforçado, as coisas aquecem; por fim, a entropia insinua-se no sistema, arrefecendo-o gradualmente, até que este cai para o lado exausto e sem energia para se refazer.

Incidente crítico foi o meu irmão gémeo (digo gémeo porque tenho outro irmão, mais novo) ter perdido uma perna numa manobra de tractor. Fez há muito a recuperação ortopédica numa clínica estadunidense tendo recuperado, e superado, a mobilidade anterior. Para pagar as despesas do hospital foi forçado a desembolsar uma larga quantia de dólares porque não lhe chegaram as ajudas financeiras do seu amigo coronel líbio, nem as dos seus amigos das secretas americanas, nem a compensação pela experiência científica a que submeteu.

E, para ter dinheiro para tudo isto e outras despesas, correu o país com a Patanisca, da costa Leste à costa Oeste, da fronteira canadense à fronteira mexicana. Lá foram os dois em tournée dançando por toda a parte sambas e rumbas, valsas e tangos, amealhando para pagar os custos da operação e recuperação e, com os trocos, comprar uma "modesta" casinha em Hollywood. Agora cuidam da Miriam, a filha amorosíssima que geraram no intervalo de algumas danças.

No meio de tanta actividade, o Rodrigo nunca mais se preocupou em actualizar «O Lugar». Consegui, entretanto, que me devolvesse o acesso ao Tremontelo, este blogue, que tomarei a partir de agora a meu cargo com exclusividade de pertença.

4 Comentários:

At 27/10/09, 21:18, Blogger Graça B. comentou...

Agora lembrei-me daquela frase fantástica do filme O Leopardo que reza mais ou menos assim: é preciso que tudo mude para que tudo fique na mesma.

Para mim foi uma excelente notícia esta do teu regresso aqui, ao Tremontelo. De todas as paragens por onde andaste mais essa tropa toda, o lugar de que gosto mais é deste Tremontelo.
Bom regresso. Dias bons.

Graça

 
At 27/10/09, 21:44, Blogger bettips comentou...

O público, o privado e os gatos
mais eu
agradecemos o aceno
e acenamos ao longe!
Seja bem devolvido ao seu "sítio" e seus costumes.
Beijinho, seu "puma" (para não lhe chamar "leopardo").

 
At 30/10/09, 19:01, Blogger legivel comentou...

... bom, bom, "isto" compõe-se, pois afinal ainda "temos" mais um irmão para compor o ramalhete...

Uma vez que vocês (gémeos) assinavam o blogue a duas mãos, não quero deixar de desejar ao Gervásio toda a sorte deste mundo e à Patanisca que tão bem soube apelar aos nossos corações aquando da desdita do companheiro.

A ti, Rui, os votos de continuação (regular, se possível) por estes lados e pelos outros que te aprouver. Virei ler as novidades.

Abraço.

 
At 09/11/09, 18:48, Blogger Justine comentou...

Mas por onde andaria eu a 27/10, que me passou despercebida esta "rentrée" tão desejada?? No entanto, como mais vale tarde que nunca, aqui estou eu a dizer-te da minha satisfação por, após tanta desgraça e desatino, teres finalmente atinado com o tremontelo! Os gatos estavam cheínhos de saudade, aposto. E do público nem se fala...

 

Enviar um comentário

<< Página inicial