26 de setembro de 2007

Scanning

[Esta mensagem foi removida pelo administrador do blogue]

Etiquetas:

5 Comentários:

At 26/09/07, 02:07, Blogger Teresa Durães comentou...

(a próxima vez que andar de combóio vou convencer a minha filha a berrar quando vir alguém de olhar alheado...)


mas escreves bem, lá isso escreves. Que és indiscreto, lá isso és!

 
At 26/09/07, 02:32, Blogger Teresa Durães comentou...

por causa de outro blog e a propósito de nada

Marguerite Duras...



"O viajante pergunta:
- Que irá acontecer quando a luz surgir?
Ouve-se:
- Ficará como cega. Depois recomeçará a ver-me. A distinguir a areia da água, depois, o mar da luz, deois o seu corpo do meu. Separará depois o frio da luz para mo dar em seguida. E só então ela ouvirá esse ruído, sabe? De Deus?... esse ardil...?

Calam-se. E observam a progressão da aurora exterior.", Duras, O Amor

 
At 26/09/07, 02:37, Blogger Perdido comentou...

Essa é linda! Vou ter que ler a Duras.

 
At 27/09/07, 03:35, Blogger APC comentou...

Belíssimo fragmento.

www.minguante.com - conheces? Deverias!

 
At 28/09/07, 23:02, Blogger a miúda comentou...

O "scanning" destes pequenos momentos fugazes revela detalhes fascinantes.
:)

 

Enviar um comentário

<< Página inicial